sábado, 8 de dezembro de 2012

Pescaria no Rio Tibagi termina em tragédia



08/09/2012
TL
Luan Szabo Fernandes, 17 anos, morreu na tarde de domingo (02), afogado no rio Tibagi.
Conforme familiares que estavam no local, os irmãos e alguns amigos haviam se deslocado até o Salto da Conceição, no rio Tibagi para uma pescaria na tarde de sábado (01) onde dormiram no local.
Por volta das 13 horas, após o almoço, iniciaram a pescaria novamente e conforme relatos dos amigos, Luan foi subir numa queda de água onde dizem que pegam mais peixe, quando pisou em falso e caiu na correnteza.
Os irmãos que estavam no local e amigos pularam todos para socorrê-lo, porém, disseram não ter conseguido devido a força da água, onde quase todos também afundaram ao tentar salvá-lo.
Os bombeiros foram acionados de imediato e assim que mergulharam já conseguiram resgatar o corpo da vítima, uns 200 metros abaixo da onde havia afundado, porém, sem vida.
Os amigos e irmãos que estavam no local ficaram desconsolados, porém, nada puderam fazer, o que realmente foi considerado uma tragédia.
O IML encaminhou o corpo até Ponta Grossa e a Funerária Monte Alegre cuidou do funeral.
No local do acidente, ninguém ingeriu bebida alcoólica. O grupo de amigos pertencia a Igreja Batista Betel e conforme os mesmos, eram acostumados saírem pescar, sendo que todos sabiam nadar, inclusive a vítima.
Luan deixou uma filha com 3 dias de vida.

Partida

A morte de um filho é uma gravidez às avessas
volta pra dentro da gente para uma gestação eterna
aninha-se aos poucos buscando um espaço e por isso, dói o corpo
por isso, o cansaço

É como numa gestação ao contrário
a dor do parto é a da partida
de volta ao corpo pra acolhida
reviravolta na sua vida
E já começa te chutando, tirando o sono
mexendo os órgãos, lembrando o dono
que está presente, te bagunçando o pensamento
te vazando de lágrimas e disparando o coração,

A morte de um filho é essa gravidez ao contrário
mas com o tempo, vai desinchando
até se transformar numa semente de amor
e que nunca mais sairá de dentro de ti.

Uma homenagem dos pais, irmãos e amigos de Luan, que conforme sua mãe era como um vaso de flor que ela cuidou muito e regou, e depois de crescido e com muitas mudas, o Senhor levou para abrilhantar o jardim do céu.

Os pais de Luan pedem a Deus misericórdia pela partida do filho que tanto amavam e afirmam que em seus corações ele sempre continuará vivo, deixando muitas saudades!!!!

Expresso Notícias

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário